Voltar para HOME


Alguns dos procedimentos adotados

Um dos problemas que atingem os produtores de leite refere-se à baixa qualidade do produto, implicando muitas vezes em prejuízo para produtores, indústria e consumidores. A qualidade do leite é conseqüência direta das condições de sua obtenção, ou seja, dos procedimentos adotados na ordenha; do preparo dos ordenhadores e das condições de conservação e transporte do produto. Para avaliar esta qualidade, a Cofrul analisa vários aspectos nas pesquisas de laboratório.

1) O sanitário, quando se encontra água no leite, (às vezes por um problema do próprio animal), tecnicamente chamado de crioscopia,

2) A questão da gordura, proveniente da alimentação do rebanho, já que existe um padrão mínimo, contido no leite integral,

3) Pesquisa de inibidores, quando se coloca antibióticos para retardar o azedamento do leite,

4) Pesquisa de antibióticos aplicados no animal em lactação, que é proibido por se tratar de um leite impróprio para o consumo humano, além de atrapalhar o processamento industrial,

5) Contagem de células somáticas, que detectará a mamite (infecção das glândulas mamárias) nas vacas ordenhadas.

6) Contagem global, para verificar a resistência do leite.

Como o país começa a se despontar como exportador; a qualidade é uma exigência. "É uma Lei que está para ser implantada. Pelo fato de produzirmos leite em quantidade maior que a demanda, passamos a competir com mercados internacionais. Se o Brasil realmente se destacar como exportador, a Lei deverá entrar em prática imediatamente. Não se exporta leite, assim como não se exporta carne; sem qualidade.

O produtor que quiser se manter no mercado tem que cumprir as exigências do mercado", afirma João Del Rei, presidente da Cooperativa. "Nós temos que chegar ao ponto de que o leite que vem para o laticínio seja igual ao que o produtor tira para seu filho tomar. O leite daquela vaca especial, cujo bezerro já tem uma certa idade. Não temos que inventar nada; apenas respeitar padrões básicos de higiene,"

 

Voltar ao TOPOVoltar página

Coloque abaixo seu
e-mail e recebas as novidades em primeira mão.